Curso no Centro Ángel Rama: Modos de criação e produção no teatro de grupos de São Paulo

por culturamarxista

Curso de Difusão Cultural

Modos de criação e produção

no teatro de grupos da Cidade de São Paulo

Ministrante convidado: Dorberto Carvalho

Descrição: O curso é constituído de uma série de 12 (doze) encontros com duração de três horas e é destinado a proporcionar um panorama dos modos de criação e produção no teatro de grupos da Cidade de São Paulo e outras implicações, tais como a relação dos grupos teatrais com as formas de Financiamento Público para a Cultura, bem como sua relação com o debate em torno da constituição de um TEATRO PÚBLICO iniciado pelo movimento ARTE CONTRA A BARBÁRIE.

1º Encontro: O movimento ARTE CONTRA A BARBÁRIE.

2ª Encontro: Um panorama do Financiamento Público para a Cultura no Brasil e o Programa de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo.

Do 3º ao 11º encontro: Modo de criação e produção teatral − sua relação com as Políticas Públicas de Financiamento para a Cultura, com exposição de um grupo convidado, seguida de debate.

12º encontro: Debate “O que é um TEATRO PÚBLICO?”.

Dias e horários: quintas-feiras, das 19h às 22h, na sala…do Prédio de Letras da FFLCH-USP, Av. Prof. Luciano Gualberto, 403, Cidade Universitária.

Duração: De 23 de agosto a 8 de novembro de 2012.

Número de vagas: 85

Histórico: No final dos anos 90, o movimento ARTE CONTRA A BARBÁRIE reabriu o debate sobre a implantação de Políticas Públicas para a Cultura, que resultou na elaboração da Lei de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo. O movimento e a Lei de Fomento influenciaram a forma de organização da produção teatral da Cidade, com desdobramentos sobre as escolhas estéticas e o processo de criação. Passados mais de dez anos, é mais que apropriado realizar uma pequena mostra do modo de criação e produção dos grupos teatrais que de alguma forma receberam o influxo dessas duas grandes ações no cenário Político e Cultural da Cidade, reabrindo o debate em torno da constituição de um TEATRO PÚBLICO iniciado pelo movimento ARTE CONTRA A BARBÁRIE.

Inscrições: Até 17 de agosto. Enviar nome completo e telefone para os e-mails dorbertocarvalho@yahoo.com.br e carama@usp.br

Objetivo: Proporcionar uma mostra do pensamento artístico e político do Teatro de grupo da Cidade de São Paulo, passados mais de dez anos da implantação da Lei de Fomento e da organização do movimento ARTE CONTRA A BARBÁRIE.

BIBLIOGRAFIA:

COSTA, Iná Camargo; CARVALHO, Dorberto. A Luta dos Grupos Teatrais de São Paulo por Políticas Públicas para a Cultura. São Paulo: Cooperativa Paulista de Teatro, 2008.

WU, Chin-Tao. A privatização da cultura – A intervenção corporativa nas artes desde os anos 80. Tradução Paulo Cezar Castanheira. São Paulo: Edições SESC; Boitempo Editorial, 2006.

Sobre Dorberto Carvalho

DORBERTO CARVALHO é graduado em de Letras pela FFLCH – USP, integrante da Companhia Insurgente e Diretor da Cooperativa Paulista de Teatro. Participou do Projeto Formação de Público da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo (2001/2004), foi Representante de Artes Cênicas da CAAPC – Comissão de Averiguação e Avaliação de Projetos Culturais da SMC e da 16ª Comissão do Programa de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo. É autor do romance Vertigem, coautor do livroA luta dos grupos teatrais de São Paulo por políticas públicas para a cultura, com Iná Camargo Costa, e dramaturgista dos textos teatrais Bumba meu FuscaCidade Submersa, Makunaíma na rua Leviatã.

Obs.: A sala em que será ministrado o curso será reservada e divulgada em breve. 

Anúncios