Encontro na reitoria ocupada – perspectivas estratégicas do Movimento Estudantil (17/10)

por culturamarxista

ato

A partir da discussão da semana passada, decidimos dar continuidade às reuniões de greve com uma discussão sobre questões de tática, estratégia e programa no Movimento Estudantil. Nos encontraremos na quinta-feira, 17/10, às 15h, no gramado em frente à entrada da reitoria ocupada.

Nossa intenção é aprofundar questões como:

– Fim do vestibular e estatização do sistema privado de ensino. Qual a necessidade deste programa? Ele é possível de ser efetivado? Qual a possibilidade de que o movimento estudantil tome esta pauta para si?

– A necessidade de ganhar o apoio da população para nossa mobilização e como fazer isto.

– A necessidade de unificação das lutas entre USP, Unicamp, professores do RJ como o embrião de uma luta nacional pela educação.

– A unificação com os demais setores dentro da universidade (professores e funcionários) e com os trabalhadores e suas demandas em outros âmbitos.

Como texto base para a discussão, propomos o texto “Reflexões sobre a crise da Universidade e o Movimento Estudantil. Estudantes e trabalhadores: uma aliança estratégica”, de Marcelo Torres e Ricardo Festi, publicado na revista Iskra. O link para o texto esta disponível abaixo.

Reflexões sobre a crise da Universidade e o Movimento Estudantil. Estudantes e trabalhadores: uma aliança estratégica

Anúncios